Posted on

A grande questao

E lá estava ela, no mesmo lugar que o conheceu. Vestia no seu peito o mesmo sentimento daquele dia: o luto de um amor perdido. Mas dessa vez era ele quem ela havia perdido. E isso doía muito mais. Logo ele. Dessa vez ela tinha certeza, tinha achado seu grande amor. Mas podia estar certa. Quem sabe essa não era a grande questão? Viera ao mundo para amar e não necessariamente ser amada.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s